Suplementação de creatina é eficaz no retardo do envelhecimento dos músculos e ossos?

suplementacao-creatina

Por Nutri Luciana Andrade

Você conhece a sarcopenia?

Ela é uma doença multifatorial caracterizada por uma redução progressiva da massa muscular, força (dinapenia) e desempenho físico. A etiologia da sarcopenia é complexa e envolve alterações na morfologia das fibras musculares, atividade neuromuscular, cinética de proteínas, endocrinologia e inflamação.
A sarcopenia está associada a massa óssea e força óssea reduzidas e pode ser um fator que contribui para o aumento dos riscos de quedas e fraturas frequentemente observadas em adultos idosos.

Está bem estabelecido que o treinamento resistido é uma intervenção eficaz no estilo de vida para melhorar envelhecimento da massa muscular, força e acúmulo ósseo.

A evidência acumulada indica que a creatina suplementação, com e sem treinamento de resistência, tem possíveis efeitos anti-sarcopênicos e antidinapênicos efeitos Especificamente, a suplementação de creatina aumenta a massa muscular e a força do envelhecimento parte inferior do corpo), possivelmente influenciando o metabolismo de fosfato de alta energia, a cinética das proteínas musculares e fatores de crescimento.

A suplementação de creatina mostrou potencial para aumentar o mineral ósseo em alguns estudos, mas não em todos, e parece afetar a ativação das células envolvidas na formação óssea e reabsorção.

A creatina tem o potencial de diminuir o risco de quedas experimentadas por adultos idosos o que reduziria posteriormente o risco de fratura.
Finalmente, evidências preliminares sugerem que a creatina pode ter efeitos anti-inflamatórios durante períodos de estresse metabólico elevado, como durante exercício aeróbico prolongado/intenso. A creatina não parece reduzir indicadores de inflamação durante o treinamento de resistência.

Embora a pesquisa seja limitada, a suplementação de creatina não parece afetam negativamente os marcadores da função hepática ou renal em adultos idosos.

Pesquisas futuras devem objetivamente examinar a segurança e os efeitos a longo prazo da suplementação de creatina nas propriedades dos músculos, ossos e inflamação em várias populações envelhecidas e em estado de doença.

REFERÊNCIA: 1- Effectiveness of Creatine Supplementation on Aging Muscle and Bone: Focus on Falls Prevention and Inflammation
Received: 21 March 2019; Accepted: 9 April 2019; Published: 11 April 2019

QUER RECEBER NOVIDADE POR E-MAIL?

CADASTRE-SE ABAIXO E RECEBA INFORMAÇÕES EM PRIMEIRA MÃO

×
Olá! Estamos a sua disposição também pelo whatsapp. Só precisa clicar aqui para iniciar uma conversa.